De acordo com um relatório divulgado pelos Estados Unidos, hackers chineses conseguiram acessar informações relativas a mais de 20 sistemas bélicos norte-americanos. Entre os projetos vazados, estavam navios e aviões de combate, sistemas de mísseis para Europa, Ásia e Golfo Pérsico, além de armas e antimísseis. 
hackers-conseguem-informacoes-sobre-armamento-dos-euaDependendo do nível de informações conseguidas, a espionagem daria à China um conhecimento que poderia ser explorado em caso de conflito e para o desenvolvimento de novas tecnologias. Os Estados Unidos ainda estão mantendo mistério sobre a data dos furtos digitais e se as ações envolveram redes do governo, empresas contratadas ou subcontratadas.
Para o país, a China estaria usando a espionagem para melhorar suas forças militares, tornando a ação dos hackers um problema mais grave do que o imaginado. O Pentágono disse que o governo dos EUA foi alvo de uma espionagem que parece ser “diretamente atribuível ao governo e aos militares chineses”.
Sobre os relatos e acusações, o porta-voz da chancelaria chinesa, Hong Lei, afirmou que o país é contra a ação de hackers e que a China “presta muita atenção à questão da segurança cibernética” e é contra todas as formas de ataques de hackers.

 

Leandra Troyack
Redação Código Fonte